Vaticano

  1. O ataque é o terceiro sequestro em massa em três meses na região noroeste do país. As forças de segurança conseguiram salvar três professores e oito alunos até o momento, matando um dos sequestradores. O Papa Francisco tem rezado por aquela população e feito apelos contundentes pela Nigéria. Em fevereiro deste ano, ao final do Angelus, o Pontífice condenou a violência no país e recordou 317 estudantes sequestradas, confiando-as aos cuidados de Nossa Senhora.
  2. A teóloga estoniana, 45 anos, foi eleita no sábado pelo Conselho da Federação. É a primeira mulher e a primeira representante do Leste Europeu a ocupar este cargo: "Rezo para ser guiada pelo Espírito". Ela sucede ao pastor Martin Junge que guiou a comunhão dos luteranos mundiais por onze anos.
  3. Francisco na sua Mensagem para o V Dia Mundial dos Pobres sublinha a importância de serem implementados “processos de desenvolvimento onde se valorizem as capacidades de todos”.
  4. A Pandemia tem causado transtornos nos familiares das vítimas da Covid 19, impedidos da realização de velórios e despedidas dos familiares. Padre Marcelo José da Arquidiocese de Niterói destaca a importância do cuidado da igreja em dar assistência as famílias enlutadas e nos casos de vítimas da Covid 19 o zelo em realizar as cerimonias fúnebres com todos protocolos sanitários. As cerimônias são breves e restritas aos familiares. Na Diocese experiências pastorais nas paróquias Nossa Senhora da Penha, Morro do Coco e Santo Antônio, Porciúncula.
  5. Cerca de 20 presos foram recebidos por Francisco na manhã desta segunda-feira (21) na Casa Santa Marta, antes de seguirem em visita aos Museus do Vaticano. A notícia foi divulgada pela Sala de Imprensa da Santa Sé. Em abril, outro grupo participou da celebração eucarística por ocasião da Festa da Divina Misericórdia, também com o Papa.