Rio de Janeiro e São Paulo ganham rota de peregrinação religiosa dedicada à Nossa Senhora Aparecida

1 1 1 1 1 1 1 1 1 1 Avaliação: 0 votos

Caminhos de Nossa Senhora promete ser a versão latina do Caminho de Santiago de Compostela.

Na manhã do dia 24, sábado, os católicos cariocas e autoridades fluminenses e paulistas vão se reunir no Santuário Arquidiocesano da Divina Misericórdia, em Vila Valqueire, para a abertura oficial da rota Caminhos de Nossa Senhora (CNS), um trajeto de peregrinação e turismo que vai do Rio de Janeiro até Aparecida.

A programação terá início com a Santa Missa, presidida pelo arcebispo Dom Orani e contará com a presença de representantes das 21 cidades do percurso até a chegada à Basílica de Nossa Senhora, no interior de São Paulo, e a apresentação do projeto do Museu dos Caminhos de Nossa Senhora.

Criada em janeiro de 2012, a rota Caminhos de Nossa Senhora terá este ano sua sétima edição. Assim como o famoso Caminho de Santiago de Compostela, a versão brasileira visa levar os fiéis a uma maratona espiritual transformadora, de experiência profunda com Deus. Os peregrinos poderão percorrer os 495km a pé, de bicicleta ou a cavalo.

“O caminho foi planejado para evitar as estradas asfaltadas e movimentadas. Para isso, aproximadamente 80% do trajeto passa por estradas vicinais ou sem asfaltos”, explica padre Cristóvão Sopicki, SAC, cocriador da rota CSN e Vigário do Santuário da Divina Misericórdia, ponto de partida oficial da peregrinação.

No roteiro, além da Cidade Maravilhosa estão Duque de Caxias, Piabetá, Petrópolis, Paty do Alferes, Vassouras, Barão de Juparanã, Vassouras, Conservatória, São José do Turvo, Nossa Senhora do Amparo, Quatis, Resende, São José do Barreiro, Areias, Silveiras, Cachoeira Paulista - sede da Comunidade Católica Canção Nova -, Guaratinguetá, Lorena, Potim e por fim, Aparecida.

Cada peregrino vai ganhar, no início do trajeto, o passaporte da CNS para carimbá-lo em todas as cidades que passar e quando chegar à Basílica de Aparecida, bastará apresentá-lo na secretaria para receber a Certidão da Conclusão dos Caminhos de Nossa Senhora.

Esporte e fé - Com mais de 46 anos de experiência em ciclismo e cumulando títulos na Polônia e no Brasil - incluindo um campeonato nacional de mountain bike -, o padre polonês Cristóvão Sopicki se uniu ao paroquiano e também ciclista, Clemar Martins, para idealizar a rota. “Vejo a prática do esporte como um meio de contato com Deus, de modo especial na natureza, na convivência com as pessoas e em grupo. Por agregar tudo isso, o esporte também é uma forma de evangelizar”, conceitua o Vigário.

A ideia da CNS se fortaleceu após a realização Romaria Ciclística da Paz, que ia de Niterói a Aparecida, em 2001, e já na segunda edição tinha 320 ciclistas interessados em realizá-la. “A rota Caminhos de Nossa Senhora é fruto de 8 anos de pesquisa. Havia caminhos mais curtos para o Santuário Nacional de Aparecida como a Via Dutra ou a Costa Verde, mas, não eram seguros para os participantes. A versão final, por Petrópolis, é mais longa, entretanto é linda, tranquila e sem estradas movimentadas, dando a serenidade necessária para momentos de reflexão mais profundos”, pontua o sacerdote.

Projeto Museu dos Caminhos de Nossa Senhora - Com o objetivo de imortalizar a paixão do brasileiro por sua bike, que pode ser uma ferramenta de trabalho, lazer, esporte e até um veículo de aproximação com Deus, os ciclistas da CNS e da Pastoral do Esporte idealizaram o Museu dos Caminhos de Nossa Senhora, que vai expor bicicletas de diferentes partes do mundo. O projeto será apresentado durante o evento e já tem em seu acervo um exemplar de 1936, vindo de Berlim, Alemanha.

Turismo Religioso - A Associação Caminhos de Nossa Senhora, responsável pelo CNS e Museu Caminhos de Nossa Senhora, recebeu o aval da ALERJ para atuar dentro do turismo religioso. “Dom Orani é o nosso grande incentivador e grande responsável pela concretização deste projeto, desde o suporte espiritual, nos apoiando e abençoando, como também sendo nossa voz junto ao alto clero, apresenta aos outros bispos e inclusive na Basílica de Aparecida”, afirma Sopicki.

Serviço

Cerimônia Solene de Inauguração da Rota Caminhos de Nossa Senhora
Site: www.caminhosdenossasenhora.com
Data: 24 de março de 2018
Horário de Abertura: 9h
Endereço: Santuário da Divina Misericórdia - Rua Divina Misericórdia, s/n°, Vila Valqueire, Rio de Janeiro
Telefone de contato: (21) 2453-3684

Programação

- Santa Missa celebrada pelo Cardeal Dom Orani João Tempesta;
- Transmissão pela TV Rede Vida (Rio Celebra);
- Participação dos prefeitos e autoridades das cidades que fazem parte do percurso da rota Caminhos de Nossa Senhora;
- Apresentação do Museu dos Caminhos de Nossa Senhora;
- Corte da fita inaugural da rota Caminhos de Nossa Senhora.
Venha de bike e com o uniforme do grupo que você representa nos pedais! Teremos espaço reservado para guardar as bicicletas.